quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Marx contra Lênin - Série Indicação de Leitura


Esta obra de Claude Berger, cujo título original é "Marx, L'Association, L'Anti-Lênin", e acima sua versão espanhola (Marx Frente a Lênin - Associación Obrera o Socialismo de Estado), é uma leitura fundamental para todos aqueles que querem ter uma concepção mais global da relação entre a concepção de comunismo em Marx e a deformação leninista da mesma. Claude Berger apresenta as duas concepções a partir de diversos documentos e citações dos dois autores, mostrando o antagonismo da posição de ambos em relação a este aspecto, e em diversos outros relacionados, e retoma um termo fundamental no pensamento de Marx: a associação. Sem dúvida, a concepção de comunismo em Marx remete para a questão da associação, tal como ele colocou em diversas passagens em que o identificou como "livre associação dos produtores", "produtores livremente associados". As associações operárias seriam as formas usadas pelo proletariado para sua autoemancipação e constituição da nova sociedade. Temas como as greves, abolição do salariato, entre outros, também estão presentes. Para ver um texto de Marx, pouco conhecido e pela primeira vez traduzida para português, clique aqui, e para ver um comentário de Claude Berger sobre tal texto, clique aqui. Um dos poucos problemas do livro de Berger é a crítica ao uso do termo "autogestão" (ao invés de associação), mas isso é compreensível tendo em vista que ele escreveu essa obra nos anos 1970, numa época em que a palavra autogestão estava sendo deformada pela pseudoesquerda partidária (a socialdemocracia, querendo adaptá-la para seus interesses reformistas, e o bolchevismo, querendo descartá-la por seu "esquerdismo" que nega a burocracia partidária e estatal). Em síntese, é uma leitura essencial para recuperar o verdadeiro pensamento de Karl Marx.

Para acessar outras indicações de leitura, vá até o blog "Leitura Recomendada", clicando aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário